Dropshipping: uma análise sobre esta prática

Tempo de leitura: 6 minutos

Dropshipping: uma análise pratica sobre o tema.

Hoje em dia as pessoas estão com a vida mais corrida, o tempo passa mais depressa e quando nos damos conta o dia já está terminando e ainda temos um monte de tarefas para terminar. Seja em casa ou no trabalho, parece que atualmente as tarefas têm se acumulado e mal temos tempo de sair para ter um momento de lazer ou um tempo só para nós.

Ainda bem que podemos contar com a Internet nos tempos atuais. Uma das tarefas que a Internet nos permite realizar é a compra online. E hoje em dia existe um modelo de loja online que tem agradado muitos empresários que buscam iniciar seu negócio no ambiente virtual: é o modelo dropshipping. Algumas dicas essenciais para iniciar neste modelo de vendas serão vistas aqui neste artigo. Confira a seguir.

Dropshipping o que é

Mas o que é dropshipping?

Dropshipping é uma forma de negócio online no qual o vendedor pode oferecer seus produtos para a venda sem a necessidade de ter um estoque de produtos prontamente. Neste caso, o vendedor tem uma parceria com um fornecedor que será o responsável pelo fornecimento do produto, empacotamento e envio ao comprador do site.

Este modelo tem sido bastante utilizado, pois, não necessita de um investimento muito alto para começar, uma vez que o dono da loja não precisa comprar muitos produtos para estoque e nem contratar funcionários para vender como se faz em uma loja física.

Falando de forma mais sistemática, é assim que funciona um modelo de dropshipping:

  1. um cliente do seu site escolhe um produto e realiza a compra, completando seus dados de pagamento e endereço;
  2. o dono da loja virtual encaminha o pedido para o fornecedor com o qual estabeleceu uma parceria;
  3. este fornecedor embala o produto e o envia ao comprador em nome da loja virtual;
  4. o comprador recebe o produto em sua casa de acordo com o prazo determinado.

Você conhecerá a seguir algumas vantagens deste modelo de vendas.

● Baixo custo de investimento:

De acordo com Mestredohospedasite.com.br, este modelo é muito prático e o empresário não precisa de estoque físico para iniciar seu negócio.

A princípio parece arriscado, mas é um modelo que vem agradando muito aos empresários por conta desta facilidade.

● Pode ser feito em qualquer lugar

Basta possuir um bom computador e uma boa conexão de Internet para gerenciar a loja e seu funcionamento que o empresário pode estar em qualquer lugar para receber os pedidos e encaminhá-los ao fornecedor.

● Pode oferecer produtos variados

Uma vez que não é necessário ter estoque para iniciar as vendas, basta saber com o seu fornecedor quais produtos e a quantidade de produtos que ele pode disponibilizar para sua loja e você poderá colocá-los em sua vitrine virtual. É possível ir oferecendo primeiramente uma variedade menor e aos poucos, na medida em que seu negócio vai aumentando e lucrando, oferecer maior variedade de produtos. Só lembre-se sempre de confirmar com o seu fornecedor que os produtos estão disponíveis em estoque, pois caso ocorra falta de algum produto e a compra tenha sido efetuada, isso pode gerar reclamações públicas sobre seu site.

Como impulsionar as vendas

Não é porque o negócio é online que não requer um mínimo de trabalho e investimento de tempo para que as compras comecem a gerar lucros. O dono do site deve acompanhar diariamente a loja e investir de formas variadas e se atualizar cada vez mais sobre o assunto para que sua loja cresça cada vez mais.

SEO

Através das ferramentas de SEO, o empresário pode colocar sua loja em um dos primeiros lugares no ranking das pesquisas em sites de buscas. Basta aplicar o SEO da forma correta e com auxílio de profissionais que podem ajudar a alavancar o tráfego e as conversões.

● Redes sociais

Investir nas postagens e compartilhamentos através das redes sociais também é uma forma boa e gratuita para divulgar a sua loja. Através da produção de conteúdo de boa qualidade, você pode atrair visitantes para o seu site e com uma boa apresentação, esses visitantes podem ser convertidos em clientes. Através de blogs, Instagram, Facebook, e outras redes que são muito utilizadas atualmente, o seu negócio pode alavancar.

● Atendimento ao público

Atender ao público que busca esclarecer dúvidas ou fazer perguntas sobre um produto de sua loja lhe dá a oportunidade de mostrar como o seu atendimento é de excelência e qualidade. Um consumidor que percebe que é bem atendido, jamais esquecerá do bom tratamento e certamente se sentirá respeitado, voltando assim a comprar em sua loja.

● Parcerias no ambiente virtual

Dropshipping-Parcerias-Digital-Influencer

Ter uma pessoa bem popular na Internet como parceiro em seus negócios pode impulsionar bastante as suas vendas. Um digital influencer, por exemplo, pode fazer propaganda de um produto que é vendido em sua loja através de vídeos do estilo “testando um produto e analisando seu funcionamento” . Ou mesmo dizendo que o aquele par de óculos, camisa diferente ou maquiagem que está usando foi presente que ganhou da loja “X”, divulgando assim o seu link para que os seguidores fiéis daquele influencer passem a visitar o seu site para adquirir o mesmo produto que viram no canal do famoso da internet.

Certifique-se de escolher a plataforma certa

Uma boa dica é, quando você começar, fique certo de que já escolheu a plataforma ideal. Por exemplo, uma plataformas como a Wix é um bom caminho para pessoas que não levam tão a sério, mas você poderia se dar melhor com uma solução personalizada.

Algumas plataformas podem ser mais limitantes que outras; se você planeja criar seriamente uma loja de comércio eletrônico, escolha uma plataforma séria.

Conclusão

Apesar de tudo parecer muito simples e fácil na Internet, vender em lojas online não é tão simples e requer tanta dedicação quanto no meio físico. É muito claro que o modelo de dropshipping tem feito grande sucesso e vem crescendo cada vez mais. Muitos empresários estão investindo neste modelo e recebendo lucros rápidos por estarem investindo da forma correta.

Através das dicas apresentadas acima, e com uma boa disposição para iniciar seu negócio online e não desistir no primeiro obstáculo, procure sempre saber onde está negociando e procure um fornecedor de muita confiança para estabelecer uma boa parceria que seja duradoura e lucrativa. Imprevistos podem acontecer, mas só depende de seu bom atendimento e relação com o público para desfazer qualquer mal-entendido e sempre deixar o cliente feliz, aliás, ainda vale aquela máxima de que “o cliente tem a razão”. Então agora é focar e seguir as dicas dadas aqui e iniciar o novo ano tirando o seu projeto do papel e lucrando com esse modelo de negócios. Boa sorte!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *