Como trabalhar o processo de parcerias com Influencer Digital?

Tempo de leitura: 9 minutos

As empresas estão investindo cada vez mais em publicidade via internet, e as redes sociais são canais que permitem utilizar uma figura que tem se destacado: o Influencer Digital

Acontece que muitas pessoas passaram a se denominar como influenciadores digitais, visto que muitos possuem milhares de seguidores, sem uma causa aparente. 

Dessa forma, é válido perguntar: quando uma empresa deve investir em marketing digital: Como esses influenciadores podem agregar valor a um produto ou serviço?

Há diferentes tipos de influenciadores digitais, e eles estão espalhados em diferentes redes sociais. Isso porque cada uma possui características próprias, e assim um público diversificado que se identifica com uma pode não estar em outra.

Sendo assim, é preciso fazer um planejamento adequado dentro de uma campanha publicitária, identificando como o marketing digital pode garantir a conversão de leads em clientes fidelizados. E como os influenciadores se ajustam em todo esse contexto.

A formação de opinião e a atenção do povo

Na história recente o marketing de influência não é uma novidade. Ao longo das décadas a partir do surgimento da televisão, e até nos dias atuais, apresentadores de programas de auditório, artistas, esportistas, políticos e jornalistas ajudaram a formar a opinião da população.

Basta que uma celebridade faça uma viagem a passeio, para o campo ou para a praia, e tenha ao lado uma caixa térmica grande 100 litros repleta de produtos que as pessoas iam atrás para poder consumir também pois confiam e se espelham nessas personalidades.

Atualmente, com a expansão das redes sociais, o que se observou foi uma onda de pessoas expandirem seus alcances como comediantes, ou mesmo cantores e cantoras, atores e atrizes, para que o número de seguidores crescesse em uma proporção fenomenal.

Isso chama a atenção de quem trabalha com publicidade, pois é possível aproveitar uma oportunidade em que o passeio de alguém pode ser monetizado. 

Há festas organizadas por influenciadores que contam com os mais variados patrocínios, como marcas que disponibilizam desde a comida e bebida, até os alimentos e a locação de um espaço de eventos. 

Dessa forma os influenciadores digitais podem agradecer cada patrocinador de alguma forma, desde a empresa que cuida da dedetização RJ Zona Norte até a equipe de segurança e limpeza ao final da festa. 

Ranqueamento do site na plataforma de busca

Tudo isso pode ser muito bem aproveitado por empreendedores que enxergam uma forma de apresentar produtos e serviços na prática, e assim garantir que o marketing digital siga um caminho com diversos benefícios, como:

  • Aumento de acesso ao site corporativo;
  • Maior número de seguidores nas redes sociais;
  • Divulgação orgânica em diferentes postagens;
  • ROI muito vantajoso.

Os influenciadores digitais podem indicar fazer uma visita ao site corporativo e conhecer mais sobre a empresa, os produtos e serviços disponíveis e, até mesmo, conhecer a equipe por trás de cada setor. 

Isso ajuda no ranqueamento da página nas plataformas de busca, pois podem associar diversas palavras-chave encontradas, colocando o SEO (Search Engine Optimization) em prática de forma eficiente. 

Assim, mesmo que uma empresa que atenda o setor de B2B (Business To Business), ou seja, produza bens de consumo intermediários, pode ver a venda da cantoneira de ferro galvanizado preço crescer exponencialmente. 

Esse exemplo está voltado para o setor da construção civil, mas outros segmentos relacionados podem se aproveitar das postagens feitas por influenciadores digitais.

Afinal, com a indicação de que os materiais utilizados na construção de um imóvel, seja uma casa ou um apartamento, foram feitos a partir de determinado fornecedor, a marca pode elevar o grau de autoridade dentro da internet. 

Tipos de influenciadores digitais

Toda empresa possui um público específico, que pode ser dividido por faixa etária, áreas de interesse, gênero, ou assuntos específicos, também chamados de nichos. 

A internet possui diferentes tipos de influenciadores digitais, e por isso é preciso conhecer alguns deles para que a parceria seja vantajosa para ambos os lados. 

  1. Celebridade com milhões de seguidores

Quando uma construtora ou incorporadora possui um projeto imobiliário a ser lançado, é preciso contar com uma empresa de gerenciamento de obras SP para cuidar de toda a parte estrutural, da engenharia, da arquitetura, do paisagismo e da decoração final.

Para o setor de vendas, uma equipe de marketing deve cuidar de tudo, para que possa atingir investidores, pessoas interessadas em um imóvel próprio, ou seja, qualquer pessoa que esteja apta a comprar uma casa, um apartamento, ou uma sala comercial.

As celebridades com alcance de público de massa podem ser o rosto da campanha, funcionando até mesmo como influenciador digital nas redes sociais da empresa e na de administração própria.  

  1. Fit celeb para assuntos específicos

Esse tipo de influenciador digital coloca a vida a serviço das marcas que representa. 

Assim, se ele precisa fazer a correção de astigmatismo, procura uma clínica especializada e propõe uma parceria de negócio.

A repercussão de um fato íntimo também pode tomar proporções significativas, demandando atenção. 

Vale pensar que muitas pessoas públicas são o foco de matérias jornalísticas voltadas para o entretenimento, e toda notícia sobre uma celebridade corrigindo a visão pode ser curiosa para os leitores.

Sendo assim, é importante compreender como explorar, em forma de parceria, como os influenciadores digitais se colocam à disposição, e como as empresas podem trabalhar sem apelar para o fútil. 

  1. Autoridade sobre assunto profissional

Essa categoria inclui diversos profissionais, como engenheiros, arquitetos, médicos, advogados, contadores, entre tantas profissões que podem fornecer informações sobre assuntos sérios e que demandam estudos e conhecimento técnico.

Com isso, um engenheiro pode falar sobre um fabricante de munheca para reboque de equipamentos utilizados no canteiro de obras, como o misturador de massa. 

Médicos podem apresentar opiniões sobre medicamentos, tratamentos e outros assuntos de interesse da população.  Já os advogados podem falar sobre novas leis e aspectos jurídicos para empresários ou a população em geral, por exemplo, relacionando às áreas correlatas.

Nesse quesito, o cuidado está em atender às entidades de classe, para não configurar como algo que foge da legislação vigente pelos órgãos representativos de cada profissão.

  1. Ecossistema mantém relevância em alta

O posicionamento de uma marca perante o mercado consumidor pode precisar da atenção de diferentes públicos. Nesse caso, o ecossistema de influenciadores digitais pode falar com os nichos aos quais possuem afinidade.

Uma empresa do setor educacional que precisa fazer a divulgação de um curso de guardião de piscina Rio de Janeiro pode fazer uma propaganda localizada, porém com foco em diferentes públicos. 

A divulgação da marca pode ser feita de uma maneira mais ampla, às vezes utilizando até mesmo mais de duas redes sociais, com influenciadores digitais em nichos específicos, mas que possam ter um interesse em comum. 

Aqui, a relevância da marca se torna um ponto a ser discutido com mais frequência, o que pode ajudar a posicionar de forma abrangente em diversos setores da sociedade. Tudo isso porque vai conversar com pessoas diferentes, mas com um ponto em comum.

  1. Comunicadores especialistas em áreas distintas

Os jornalistas são influenciadores por diversos motivos. Muitos desses profissionais se especializam em áreas técnicas para falar com propriedade sobre os mais diferentes assuntos. 

Dessa forma, é possível que um jornalista que fala sobre economia em um portal de notícias possa se tornar um influenciador digital e atender ao chamado de uma consultoria financeira empresarial Goiânia, ou qualquer outro estado por todo o território nacional, desde que não fira às normas de atuação. 

Há jornalistas que se especializam em culinária, o que pode ser interessante para restaurantes, lanchonetes, hotéis e pousadas, por exemplo. 

Até mesmo o turismo e o cinema, duas categorias muito diversas e que possuem diferentes públicos, contam com críticos especializados.

Portanto, é importante que as empresas tenham a postura de um jornalista como porta-voz da empresa, e assim aproveitem o público para as divulgações em massa que a influência digital permite.

Conclusão

As pessoas se reconhecem quando enxergam uma pessoa que pode ser a própria vizinha utilizando produtos acessíveis e contratando serviços que fazem parte da rotina de uma família. 

O marketing de influência é uma forma encontrada por publicitários e pessoas que enxergaram uma oportunidade de monetizar com a situações triviais, porém com um exercício publicitário implícito de alguma forma.

Além disso, os influenciadores digitais têm uma grande vantagem sobre outras estratégias de merchandising: a interação que as redes sociais oferecem. 

Por isso, a empresa que investe em marketing digital deve levar em consideração a contratação de influenciadores digitais, seja pela localização, pela identificação com os serviços oferecidos ou produtos utilizados, ou até mesmo por causa do nicho em que está inserido.

Se as grandes corporações apostam nesse modelo de publicidade, não se deve ignorar uma ferramenta que funciona e pode colocar em evidência uma marca que está em pleno crescimento.

Todo e qualquer tipo de ação nesse sentido deve estar presente dentro do planejamento da campanha publicitária, com o acompanhamento das métricas e a aplicação de ajustes sempre que necessário.  

Os resultados podem ser observados ao longo do tempo, conforme as metas e objetivos estabelecidos.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Business Connection, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *